Longin no Blog Aqui

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Tasso é cotado para presidir PSDB, mas deve recusar


Depois de anunciar que, a partir de 2011, quer sair da cena política e ir em busca de “sombra e água fresca”, o senador Tasso Jereissati (PSDB) confirma as promessas feitas após sua derrota nas urnas e dá sinais de que não aceitará um possível convite para assumir a presidência nacional de seu partido.

Tasso é apontado como favorito do ex-governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), cujo grupo político ganhou força dentro da sigla após as eleições. Apesar disso, o cearense parece firme na intenção de se recolher aos bastidores após deixar sua cadeira no Congresso. A interlocutores, ele chegou a afirmar que “não tem interesse” em presidir a legenda.

Foi o que relatou um dos deputados estaduais mais próximos de Tasso, o tucano Luiz Pontes, que garantiu ter conversado sobre o assunto com o senador, na última semana. “Ele disse que vai ficar ajudando o partido, mas não tem interesse na presidência”, disse Pontes. Questionado se Tasso já havia sido sondado pelo PSDB nacional, o parlamentar alegou apenas que “há muita especulação”.
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam