Longin no Blog Aqui

domingo, 30 de janeiro de 2011

Motoristas fazem protesto em Quixelô


Detran proibiu o transporte de carga e de passageiros feito em caminhões, camionetas e de ônibus no Centro-Sul

Quixelô. Proprietários de caminhões, camionetas e de ônibus, que há mais de 20 anos fazem o transporte de carga e de passageiros de moradores de áreas rurais dos Municípios de Acopiara, Solonópole e de Quixelô para a cidade de Iguatu, estão mobilizados contra a proibição por parte do Detran de continuarem com o serviço. Neste mês, vários condutores foram multados.

Na manhã de ontem, no Centro desta cidade, houve pequena manifestação dos proprietários, que são os próprios motoristas dos veículos. Eles solicitam do Detran a permissão para continuarem com o transporte de passageiros e de carga para Iguatu, que é polo regional, e oferece prestação de serviços e funciona como centro consumidor de produtos agrícolas.

Desde 2010 que o transporte intermunicipal está regulamentado pelo Detran. Houve processo de licitação e formação de cooperativas regionais para regularização do serviço, objetivando o fim da clandestinidade e melhor segurança para os passageiros. Os veículos dos sítios ficaram alheios a esse processo.

Segundo a regulamentação, os veículos dos sítios devem transportar os passageiros somente até Quixelô. Depois, pegam um veículo credenciado (micro-ônibus) em direção a Iguatu. Resultado: pagam duas passagens, não encontram espaço suficiente e há dificuldades para a condução de suas cargas, gêneros agrícolas.

Em face disso, os motoristas querem ter o direito de trafegar até Iguatu mesmo por estradas vicinais. "Estamos prejudicados", disse o motorista Pedro dos Santos, que há 40 anos faz o transporte de gente e de mercadorias do Sítio Ilha Grande até Iguatu.

Os motoristas disseram que, desde a proibição, centenas de passageiros preferem ir para Acopiara ou Solonópole. Essa mudança acarreta perda no comércio local e de Iguatu. "As vendas caíram 30% neste mês", disse o comerciante Erasmo Nogueira.

Há uma ligação histórica e dependência econômica entre vários sítios dos Municípios vizinhos de Acopiara, Quixelô e Solonópole com Iguatu. É uma área que funciona como se fosse distrito da cidade polo. "O governo precisa analisar essa situação peculiar", disse o prefeito de Quixelô, Gilson Oliveira. "Somos favoráveis a uma alternativa que favoreça os proprietários de veículos e os moradores da zona rural, e que não prejudique quem está regularizado"
Disciplinamento

A Assessoria de Imprensa e de Comunicação do Detran esclareceu que o Governo do Estado está disciplinando o transporte de passageiros intermunicipal para acabar com a clandestinidade e irregularidade, objetivando a segurança do serviço. Houve licitações, formação de cooperativas e o processo está em conclusão com novas licitações nos chamados lotes desertos em seis Municípios.

Ainda conforme a Assessoria de Imprensa, o Detran é sensível às demandas dos moradores dos sítios e estuda alternativa, considerando a peculiaridade dos Municípios, mas que a legislação deve ser cumprida.
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam