Longin no Blog Aqui

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Polícia continua cerco contra assaltantes de banco em Milhã


Quatro homens acusados de explodir o Banco de Brasil de Milhã, na última quinta-feira, 2, continuam foragidos, segundo informações do coronel Hervano Macedo, do Comando de Policiamento do Interior (CPI). Os acusados estão escondidos em um matagal, entre Solonópole e Banabuiú. As polícias Civil e Militar seguem nas buscas.

Segundo o coronel, na mata estão escondidos os assaltantes conhecidos como Marquinho Noé (considerado o chefe da quadrilha), “Val”, Felipe “Copada” e “Irmão”. “Marquinho foi baleado com um tiro no pé há cinco dias”, afirmou o coronel Macedo ao O POVO Online.

O cerco está sendo coordenado pelo coronel Macedo e pelo titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), Romério Almeida. Até o momento, cinco pessoas foram presas, sendo uma mulher e quatro homens. Eles foram autuados em flagrante pela DRF. Todos já respondem por tráfico de drogas, sequestros e assaltos.

A ação criminosa contra o Banco do Brasil de Milhã aconteceu por volta de 2h30min do último dia 2. Os assaltantes utilizaram dinamites para explodir os caixas eletrônicos. A agência ficou totalmente destruída.

Redação O POVO Online
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam