Longin no Blog Aqui

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Praças sofrem com abandono e vandalismo

Segundo a Prefeitura, a reforma de quatro destes locais deve ficar para a próxima gestão municipal. Além de estarem situadas no mesmo bairro e de receber inúmeras pessoas diariamente, as praças do Centro de Fortaleza, pelo menos as principais, têm outros pontos em comum. A manutenção precária, as reformas que ainda não aconteceram, a sujeira e o vandalismo, por exemplo, são alguns deles. A precariedade desses espaços públicos reflete diretamente na qualidade de vida da população, que, de certa forma, contribui com parte do problema. Há cerca de três anos, a atual gestão municipal começou as intervenções nesses equipamentos. A previsão era de que a maioria das 27 praças do Centro fosse reformada (restauração do piso, troca de bancos, iluminação, paisagismo, etc). Contudo, em um simples passeio pelo Centro, é possível perceber que muito precisa ser feito. “A Prefeitura passou dois anos para conseguir os recursos, não houve tempo para fazer tudo”, justifica Luciana Castelo Branco, titular da Secretaria Executiva Regional do Centro (Sercefor). Segundo ela, quatro praças (Ferreira, Leões, José de Alencar e Coração de Jesus) só poderão ser reformadas na gestão do próximo prefeito. Nas praças do Ferreira, Murillo Borges (BNB) e José de Alencar, o que chama a atenção são os tapumes colocados para a instalação dos “bigtainers”, equipamentos subterrâneos utilizados para acondicionar o lixo. O serviço já deveria ter sido entregue à população, no entanto, ainda precisa de reparos. Segundo Luciana Castelo Branco, uma visita de técnicos da Sercefor e Ecofor será feita a esses locais na tarde de hoje, a fim de verificar o andamento das intervenções. Para a comerciante Zilmar Bezerra, 61, que tem uma banca de revistas na Praça do Ferreira, a situação está difícil. Além da poeira e do barulho ocasionados pela instalação do “bigtainer”, ela reclama de uma queda nas vendas de 50%. “Estou tendo um grande prejuízo. As pessoas não conseguem enxergar a banca por causa dos tapumes”, diz. Já Francisco Matias Benigno, também vendedor de periódicos, reclama que o vento não circula. “É um calor muito grande, a gente fica escondido aqui. Eu já estou em atraso com as distribuidoras de revistas”, reclama o comerciante. José de Alencar Luciana Castelo Branco explica que a Praça José de Alencar não ficará pronta neste ano porque o governo do Estado ainda não concluiu as intervenções do Metrô de Fortaleza naquele trecho, o que impossibilitaria a reforma da praça. “Não vamos gastar dinheiro em vão. O governo ficou de entregar a obra em setembro”, destaca a secretária. O Metrofor, por sua vez, informou que os serviços da estação não atrapalham o início da reforma. A expectativa do órgão é terminar as construções do metrô até o fim de 2012. Enquanto a situação não se resolve, os transeuntes têm de conviver com a degradação do piso e dos bancos. Com relação a isso, Luciana Castelo Branco lembra que as pessoas precisam preservar o patrimônio. “A Praça do Colégio Militar foi reformada há dois meses e já está pichada. O povo tem de compreender que esses equipamentos são dele”, observa, dizendo que não há guarda municipais suficientes. Insegurança Além desses problemas, a população reclama da insegurança nas praças, mesmo após a instalação de câmeras pela Guarda Municipal e Defesa Civil de Fortaleza (GMF) neste ano. “Tem assaltos aqui todos os dias. Os ladrões levam, principalmente, celulares e joias de mulheres e gente idosa. Ninguém vê guarda municipal e a cabine da Polícia Militar fica a maior parte do tempo vazia”, conta o vendedor de sorvete Rogério Rufino, 38. Ao todo, conforme a GMF, 24 câmeras foram instaladas nos seguintes pontos: Praça do Ferreira, Coração de Jesus, dos Leões, José de Alencar, Lagoinha, do Carmo, Passeio Público, do Mercado Central, da Estação, do BNB, da Bandeira, Cidade da Criança, Palácio do Bispo e calçadões da Guilherme Rocha e Liberato Barroso. SAIBA MAIS Praças com serviços já realizados: Praça do Ferreira (constantemente em manutenção), Praça dos Voluntários da Pátria, Praça Almirante Saldanha (Praça Dragão do Mar), Praça General Tibúrcio (Praça dos Leões), Praça José de Alencar, Praça José Bonifácio, Praça Pedro II (Praça da Sé), Praça dos Mártires (Passeio Público), Praça da Bandeira (Colégio Militar), Parque da Liberdade (Cidade da Criança) (constantemente em manutenção) e Praça do Carmo Praças com serviços a serem realizados até dezembro: Praça da Ferreira, Parque da Liberdade (Cidade da Criança) (em fase de conclusão), Praça da Lagoinha (em fase de conclusão), Passeio Público (restauro em execução), Praça Almirante Saldanha (em fase de conclusão) e Monumento Cristo Redentor (restauro em fase de conclusão). Praças cujos serviços ficarão para a próxima gestão: Praça do Ferreira, Praça General Tibúrcio (Leões), Praça José de Alencar e Praça Coração de Jesus. DN
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam