Longin no Blog Aqui

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Juazeiro do Norte-CE: Professor do Amália Xavier é vítima de atentado à bala e polícia registra mais oito tentativas de homicídios

Segue internado na UTI do Hospital Santo Antonio de Barbalha o professor Carlucio Moura Campos, de 41 anos, lesionado com quatro tiros sendo dois na cabeça, um no braço e outro no tórax. Ele foi uma das nove vítimas de atentados à bala e faca neste final de semana nos municípios de Juazeiro, Brejo Santo, Caririaçú e Nova Olinda. Só em Juazeiro foram seis nos bairros São Miguel, Timbaúbas, Loteamento Campo Alegre, Triângulo e duas tentativas de homicídios no bairro João Cabral. Por volta das 21 horas deste domingo o professor Carlúcio Moura estava dentro do quarto de sua residência na Rua do Seminário (São Miguel) com dois rapazes quando um deles sacou o revólver e atirou fugindo a pé. O funcionário público do estado que trabalha na escola Amália Xavier foi socorrido para o Hospital Regional do Cariri (HRC) por militares do Ronda do Quarteirão o qual, depois, terminou transferido até o Hospital de Barbalha. Ele não explicou os motivos do atentado à bala e nem citou nomes. No quarto da vítima os PMs recolheram o celular pertencente a um dos acusados e por meio de contatos da agenda e fotos armazenadas chegaram até o menor de iniciais L. H. S., de 16 anos, que foi apreendido quando chegava em sua casa na Rua Paulo Alexandrino (Bairro Lagoa Seca) em Juazeiro. Ele assumiu a autoria dos disparos e disse ter agido na companhia de outros dois colegas que os identificou apenas pelos apelidos de Emerson ou Messin e Fabin que não foram localizados e nem o revólver. Somente no sábado foram quatro tentativas de homicídios, sendo a primeira por volta das 16h30min na Rua Padre Cícero (Bairro Morro Dourado) em Brejo Santo. Ali a polícia prendeu o vaqueiro João Batista da Silva, de 36, e sua irmã Joana D’arc da Silva, de 34 anos, ali residentes. Os dois tentaram matar seu tio Francisco Jackson Canuto da Silva, de 45 anos, dentro de sua residência na Rua Padre Cícero, 359 daquele bairro, onde houve discussão. A sobrinha teria segurado seu tio para que o irmão desferisse os golpes de faca. Quando da discussão, a polícia já tinha sido avisada e militares do Ronda do Quarteirão chegaram no momento em que os irmãos iam fugindo sendo presos. A vítima foi socorrida para o Hospital Geral de Brejo Santo com quatro perfurações no tórax e seu quadro clínico é considerado grave. Já por volta das 19h30min, entre as ruas José Bezerra e Rui Barbosa (Timbaubas) em Juazeiro, José Luciano Ferreira, estava arriando sua carroça quando dois homens chegaram em uma motoneta atirando. A vítima foi alvejada por dois disparos na perna e nas costas. Por volta das 22 horas no Loteamento Campo Alegre, imediações da SOCIL, em Juazeiro Edson Diniz foi surpreendido por dois homens a pé os quais o alvejaram com dois tiros no abdômen e braço esquerdo. Quase na mesma hora, porém no cruzamento das ruas São Benedito e Tenente José Dias (Limoeiro), Francisco de Assis Santos e Severino da Silva se envolveram em lua corporal. Francisco foi cobrar uma dívida motivando, inicialmente, uma acirrada discussão. Outras cinco tentativas de homicídios foram registradas no domingo, sendo a primeira por volta das 13h30min no Bar de Dida que funciona no Sitio São Lourenço em Caririaçú. Cícero Pereira Botelho, de 47 anos, lesionou com duas facadas no abdômen, Joel Gomes da Silva, de 31 anos. A vítima foi socorrida para o HRC em Juazeiro e o acusado fugiu a pé abandonando sua moto Honda 150 Fan de cor vermelha e placa DFC-9818, inscrição do Ceará. Já por volta das 18h30min, na Rua José Andrade Lavor (João Cabral) em Juazeiro, quatro homens trocavam tiros quando um adolescente de 14 anos e iniciais J. B. F., saiu baleado na coxa direita. No mesmo horário, na Rua Jeremias Pereira no Centro de Nova Olinda, foi vítima de lesão a tiros o agricultor Everaldo Alves Feitosa, de 17 anos, residente na Rua Raimundo Leonel, 44 (Bairro Cajueiro) naquele município. Ele pilotava uma moto Honda Fan de cor vermelha quando foi surpreendido por dois homens noutra moto e um deles atirou nas costas do adolescente que foi socorrido por populares para o Hospital São Francisco de Crato. Segundo a polícia, o principal suspeito é Raimundo Nonato de Miranda, de 22 anos, o Raimundinho Arara, residente no Bairro Mussambê em Nova Olinda o qual já tem passagens pela polícia e está foragido. Meia hora depois outro adolescente de 16 anos e iniciais K. A. D. S., foi lesionado com uma facada nas costas e apontou como autora sua prima Maria de Lourdes Dutra Gomes, de 28 anos, que reside com o mesmo. O atentado se deu por conta desavenças entre os dois. Finalmente por volta das 20 horas, no cruzamento das rua Farias Brito e Perpetua Carneiro da Cunha (João Cabral) em Juazeiro, Rejunho Máximo de Oliveira, de 31 anos, foi lesionado com três tiros na boca, cabeça e tórax. Segundo testemunhas, o autor teria sido uma pessoa identificada pelo apelido de “Deca” o qual fugiu com a arma do crime em uma moto de cor preta. A vítima foi levada para a sala de reanimação do HRC. Depois, a polícia apresentou o nome do autor como sendo José Barbosa de Moura.
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam