Longin no Blog Aqui

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

PT FICA RACHADO COM SAÍDA DO PSDB DO GOVERNO

O PT ficou dividido depois do anúncio do PSB feito ontem de entregar cargos no governo Dilma Rousseff. Uma ala do partido passou a criticar internamente a postura do presidente da legenda, deputado estadual Rui Falcão, de hostilizar nas últimas semanas integrantes do PSB, em especial o governador de Pernambuco, Eduardo Campos. A avaliação desse grupo de petistas é que isso acabou provocando a saída precoce dos socialistas do governo. Nas palavras de um integrante da executiva petista, a posição de Rui Falcão acabou contaminando a cúpula do governo Dilma de assumir uma posição de atrito com o PSB. “Foi um erro, pois o PSB era um aliado ideológico, e não circunstancial”, observou ao Blog esse integrante da executiva. Esse mesmo grupo do partido defende que tanto a presidente Dilma Rousseff como o ex-presidente Lula mantenham diálogo permanente com o PSB de Eduardo Campos. Isso porque se o PT não conseguir atrair de volta os socialistas, é preciso manter Eduardo Campos na “órbita gravitacional” da base aliada. Caso Eduardo Campos confirme a candidatura presidencial no próximo ano, será preciso manter uma boa relação com o PSB de olho numa aliança para o segundo turno, observou esse petista, sem esconder sua preocupação com o novo cenário político. Por isso esse grupo petista considera que não é o momento de retaliações em relação às administrações do PSB em estados e municípios governados pelos socialistas. Publicado às 14h51 sem comentário »
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam