Longin no Blog Aqui

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Candidatos ao governo do Ceará participaram de debate em Iguatu

Três dos quatro candidatos ao governo do Estado participaram na noite desta terça-feira, 19, do debate promovido pela Diocese de Iguatu – Ailton Lopes (PSOL), Camilo Santana (PT) e Eliane Novais (PSB). Eunício Oliveira (PMDB) não compareceu. Por quase duas horas, os postulantes apresentaram propostas, responderam perguntas previamente encaminhadas e questionamentos entre si. O juiz eleitoral de Iguatu, Eduardo Girão, não permitiu manifestações do público que lotou o auditório do Hotel Diocesano: lideranças políticas, comunitárias, sindicalistas, simpatizantes, que obtiveram senhas de acesso. Sequer houve concessão para aplausos. O mediador e o padre Anastácio Ferreira tiveram que intervir várias vezes. O magistrado na tentativa de inibir as palmas preferiu caminhar e se posicionar entre a plateia. O bispo dom João Costa disse que o objetivo do debate é ouvir as propostas de cada candidato para que o público possa conhecer melhor as ideias de cada um. “Esse é o momento do exercício da cidadania, da democracia, do debate de propostas”, frisou o religioso que lamentou a ausência do candidato do PMDB. O evento foi transmitido ao vivo pela internet, através de equipamentos e tecnologia da Multicores e do técnico Luís Gustavo. E um dos momentos marcantes do encontro foi a oração de São Francisco realizada por todos os presentes e de mãos dadas, a iniciativa foi de Dom João no final do debate.O candidato Aílton Lopes (PSOL) ressaltou a importância dos debates que dão tempo e oportunidades iguais para todos os postulantes. “Na TV o tempo é desigual e partidos se juntam por interesses outros”, disse. “Até ontem quem estava junto diz que o outro não presta e fica aquela geleia geral”.Eliane Novais do PSB não poupou críticas ao governo. “O modelo de gestão dos últimos oito anos está completamente desacreditado”, disse. “O governo não dialogo com os movimentos sociais, populares, servidores públicos e sindicalistas”. A candidata propôs implantar o ‘Pacto pela Vida’, um projeto criado em Pernambuco de combate à violência, com adaptações.
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam