Longin no Blog Aqui

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Homem é preso pela PM por fraude na Operação Carro Pipa em Orós

Um suspeito foi preso nesta quarta-feira (03), por estelionato, após ser flagrado utilizando um equipamento G-Pipa em uma motocicleta, na cidade de Orós – Área Integrada de Segurança 21 (AIS 21). O aparelho, que é utilizado para medir a quilometragem de veículos credenciados pela Operação Carro Pipa, estava conectado na bateria da motocicleta. A abordagem foi realizada por uma composição da Polícia Militar do Estado do Ceará. No momento em que realizavam um patrulhamento pela localidade de Vila Guassussê, os policiais visualizaram um homem encostado em uma motocicleta, em atitude suspeita, e o abordaram. Durante a ação,Felipe Inácio de Oliveira (24) – sem antecedentes –não apresentou nenhuma documentação do veículo. Por meio de uma vistoria, os agentes de segurança viram uma bolsa na garupa da moto, com uma fiação que se conectava diretamente à bateria. No suporte, foi encontrado o equipamento, que é fornecidopelo Exército Brasileiro, em transportes que realizam a distribuição de água tratada em regiões atingidas pela seca. É por meio da quilometragem apresentada pelo G-Pipa, que os caminhoneiros cadastrados recebem os pagamentos referentes ao serviço prestado. Ao ser indagado, o suspeito informou que não sabia onde estava o caminhão pipa e que era pago para fazer tal serviço. Em seguida, os policiais seguiram até a residência de Felipe e localizaram os documentos do veículo. Por meio de levantamentos, a Polícia diligenciou em busca de um segundo partícipe, que há suspeitas de ser o dono do caminhão pipa. No entanto, o homem não foi localizado. Felipe foi encaminhado para a Delegacia Municipal de Orós, onde foi autuado em flagrante por estelionato. O procedimento foi transferido para a Polícia Federal, por se tratar de um crime contra União. Fraudes na Operação Carro Pipa Em fevereiro, na cidade de Solonópole (AIS 15), três homens foram capturados com dois equipamentos G-Pipa em um veículo Prisma. As prisões, realizadas também pela Polícia Militar, durante uma abordagem, foram encaminhadas para a Delegacia Municipal da cidade. Pedro dos Santos Nobre (25) e os irmãos Julio Francisco da Silva Neto (27) e Ramon Lima Evangelista (20) foram autuados em flagrante por estelionato. O procedimento foi encaminhado para a Polícia Federal. Já em janeiro, uma composição da Polícia Militar flagrou o exato momento em que um motorista de caminhão pipa, cadastrado na operação, despejava cerca de nove mil litros de água potável, que teria como destino o abastecimento de comunidades do município de Canindé, em um córrego, no município de Maracanaú – Região Metropolitana de Fortaleza (AIS 12). Além do condutor, o proprietário do veículo também foi preso, sendo estes identificados por Paulo Tierdes Cavalcante de Oliveira (31) e Wanderson da Silva Costa (23). Os dois foram autuados em flagrante por estelionato. Fonte: SSPDS
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam