Longin no Blog Aqui

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Sistemas de irrigação garantem a produção de feijão de corda no CE

Os agricultores do sul do Ceará que investiram em sistemas para irrigar a lavoura estão colhendo uma boa produção de feijão de corda. O cultivo da cultura gera emprega na região que enfrenta um longo período de seca. O agricultor Pedro Pereira investiu em irrigação, o que fez a lavoura nascer. Em tempos de seca prolongada, o produtor não conseguia tirar na terra. Então, ele investiu R$ 2,5 mil com o sistema e espera recuperar o dinheiro. “Vamos ver se dá para recuperar ao menos o gasto. Mesmo que não dê muito pra mim, mas que dê ao menos trabalho para a comunidade”, diz. Em Brejo Santo, no sul do Ceará, onde fica a lavoura do agricultor Pedro Pereira, outros 150 produtores investiram no feijão de corda irrigado em um projeto assistido pela Ematerce. Eles plantaram 690 hectares, o que representa 63% da a área do município. A produção causou aumento da oferta de emprego. O quilo do feijão de corda em vagem é vendido a R$ 1,30 para os atravessadores. A produção é enviada para Juazeiro do Norte, Fortaleza e Pernambuco. “Eu chego movimentar cerca de 20 mil quilos por semana, o que dá uma base de R$ 30 mil a R$ 40 mi por semana”, diz o comerciante Antônio da Cruz. Fonte: G1 CE
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam