Longin no Blog Aqui

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Antigos egípcios já usavam gel para cabelo; hábito data do ano 300 a.C.


Se você considera a vaidade uma praga, talvez o Egito tenha algo a ver com isso. É que, segundo estudo divulgado recentemente no periódico "Journal of Archaeological Science", e relatado no site LiveScience, os antigos egípcios se preocupavam com seus cabelos já no ano 300 a.C.

Como naquele período a indústria de cosméticos ainda não havia criado os vendedores que iam de porta em porta, o jeito era improvisar. Os cabelos eram preservados sedosos para o além-vida com uma espécie de gel à base de gordura, de acordo com os pesquisadores da Universidade de Manchester, no Reino Unido.

"A aparência pessoal era tão importante para os antigos egípcios que, em alguns casos, o processo de embalsamamento foi adaptado para preservar o estilo de cabelo", afirma o relatório. Para a pesquisa, foram analisados microscopicamente os cabelos de 18 múmias, sendo 15 de um cemitério deserto e três de procedência desconhecida, emprestadas de museus.

Em nove das múmias, os estudiosos identificaram algum tipo de substância que protegia o cabelo. Análises subsequentes revelaram tratar-se de ácidos graxos de vegetais e de origem animal.

Ou seja, pelo visto não era dos carecas que os deuses gostavam mais.

Fonte: UOL
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

faça aqui seu comentarios sobres materia postadas.

Quixelô FM 104,9

Nosso Facebook

Seguidores

Meus Blogs

As Mais Lidas do Mês

De Onde nos Visitam